mira-olho-capa

O primeiro romance da escritora paulista Itaciara Poli foi lançando no Brasil em junho de 2012 e vem se transformando em um sucesso de vendas e crítica.

Retrata a saga de Theodore Durkè, um menino que vive na pacata Nabbora, atormentado pela capacidade inata de ver a verdade que todos escondem. Visto como um louco e rejeitado por sua mãe, em quem desperta um sentimento cada vez maior de desgosto, o garoto tem sua vida transformada depois de uma consulta médica misteriosa. A partir daí, passa a encarar as vicissitudes da vida real como um homem comum, sem imaginar as consequências funestas de viver na ilusão. Somente quando reencontra Julia, seu amor de infância, que a surreal invasão das lembranças desvela verdades impensáveis e lhe coloca em xeque, condicionando sua existência ao fim de um sonho.

Uma narrativa intrigante que se espalha nas quase duzentas páginas para fazer o leitor refletir sobre o que é realmente verdadeiro em nossas vidas, e que pode ser lida como uma ode à verdade, embora trate da mentira e dos seus vacilos. Em último caso, trata-se de uma história envolvente na qual a autora aproxima a realidade experimentada pelas personagens à coisa em si, incognoscível.


Follow me
Itaciara Poli © 2012 works cannot be reproduced or used in any form without express permission.